domingo, 30 de novembro de 2008

Patrick Kearney O assassino do saco de lixo


Patrick Kearney confessou ter assassinado o total de 32 jovens rapazes entre 1975 e 1977 e jogado seus corpos em estradas e desertos entre Los Angeles e México.

Foi condenado por 21 assassinatos e recebeu 21 sentenças de prisão perpétua.
O mais importante serial killer de estradas da Califórnia.
Meticuloso, limpo e organizado assassino, deixava suas vítimas desmembradas e lavadas em sacos de lixo ao longo das estradas da Califórnia.

Kearney e seu amante, David D. Hill, eram ambos veteranos de guerra, viviam numa arrumadíssima casa em Redondo Beach, de onde iniciavam suas ações homicidas.
Os "assassinos do Saco de Lixo", como ficaram conhecidos, iniciaram suas atividades em 1975 e terminaram em 1977, quando o casal entrou no centro de informações do xerife em Riverside, viram seu próprio poster de procurados e se entregaram.
Depois, foram soltos por falta de provas. Kearney carregou a culpa sozinho e confessou que matar excitava-o e lhe dava uma sensação de domínio.

The Age of the Sex Killer

Sem comentários: