quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Mateus da Costa Meira "O Atirador do Cinema"


Mateus da Costa Meira 
(São Paulo, 4 de Abril de 1975), mais conhecido por "O Atirador do Cinema", é um ex-estudante universitário da área de Medicina. 
A alcunha vem do fato de ter disparado uma metralhadora portátil contra pessoas da platéia de uma sala de cinema em um shopping de São Paulo.

Segundo testemunhas oculares da ação, na noite de 3 de Novembro de 1999, dentro da sala 5 do cinema do Morumbi Shopping, zona sul da capital paulista, Mateus teria levantado de seu lugar, ido ao banheiro - onde teria dado um tiro no espelho com sua submetralhadora Cobray M-11 - e depois ficado de frente para a platéia, sacando novamente a arma e iniciando os disparos. 

Dessa tragédia resultaram 3 mortes, 4 pessoas feridas e mais 15 em pânico. 
Tal tragédia rendeu a Mateus o apelido que carrega até hoje.

Preso em flagrante, acabou condenado a mais de 120 anos de prisão em regime fechado. Seus advogados alegaram que Mateus era semi-imputável, ou seja, possuía consciência parcial de seus atos. 

Depois de várias apelações judiciais, Mateus foi condenado aos formais 30 anos máximos previstos pela Justiça brasileira. 
Os advogados de defesa tentaram, em vão, alegar insanidade mental de seu cliente e argumentar que Mateus havia sido influenciado pelo jogo Duke Nukem 3D, no qual há uma cena de tiroteio dentro de um cinema.

Obtido em "http://pt.wikipedia.org/wiki/Mateus_da_Costa_Meira"



Mateus da Costa Meira é absolvido - 11.10.2011 

veja o video clicando no link abaixo

http://www.youtube.com/watch?v=ax_ymRQrSWo



Sem comentários: