segunda-feira, 1 de março de 2010

David Carpenter - The Trailside Killer


David Joseph Carpenter


(nascido em 6 de maio de 1930), também conhecido como o assassino Trailside, é um serial killer conhecido por perseguir e assassinar mulheres em trilhas perto de San Francisco, Califórnia.

Início da vida.

Nascido e criado em São Francisco, Carpenter foi abusado fisicamente quando criança por seu pai alcoólatra e sua mãe dominadora. Quando criança, ele sofreu uma severa gagueira e uma enurese constante (xixi na cama), e torturava animais. Aos 17, ele foi preso por molestar dois de seus primos.
Casou-se em 1955, uma união que produziu três filhos.

Crimes:

Carpenter cometeu seu primeiro assassinato documentado em 1960, pelo qual ele passou sete anos na prisão. Em 1970, ele foi preso por sequestro, e passou mais sete anos atrás das grades. Após a sua libertação, ele era um suspeito nos assassinatos do notorious Zodiaco, mas ele acabou por ser desmarcado como suspeito de ser o Zodiaco.

Entre 1979-1980, ele estuprou e matou cinco mulheres e era suspeito de ter matado pelo menos duas outras pessoas. Foi preso e considerado culpado dos assassinatos, para o qual ele foi condenado a morrer na câmara de gás. Ele permanece no corredor da morte de San Quentin.

Em dezembro de 2009, a polícia de San Fracisco reexaminou provas do assassinato de 21 de outubro de 1979 de Mary Frances Bennett, 23 anos de idade no momento de seu assassinato, havia saido para correr no Lands End, San Francisco, quando foi atacada e esfaqueada até a morte. Uma amostra do DNA obtido da prova foi combinado a Carpenter. Em fevereiro de 2010, a polícia de San Francisco confirmou que Carpinter era o assassino.


Sem comentários: