quinta-feira, 23 de julho de 2009

Patrick Mackay


Patrick Mackay ( Nascimento : 25 de Setembro de 1952 )
É um Serial Killer confesso. Matou 11 pessoas na Inglaterra em meados dos anos 70.


Infância:
Quando criança Mackay foi vítima frequente de abusos físicos nas mãos do pai Harold alcoólatra.
Quando Mackay estava com 10 anos o pai morreu de complicações pelo Alcoolismo e problemas no coração.
As suas últimas palavras para o filho foram : " Lembre-se de ser bom ".
Patrick foi incapaz de compreender a perda do pai, dizia as pessoas que o pai ainda estava vivo. Mantinha uma fotografia do pai no bolso.
Na juventude começou a sofrer de ataques de Ira e raiva.


Torturar animais era sua diversão. Ele tinha uma tartaruga de estimação, em certo momento jogou a coitadinha no fogo. Perseguia e perturbava crianças mais novas, roubava casas de senhoras idosas, roubava pessoas nas ruas.
E também tentou matar sua mãe e tia. Certa vez tentou matar um rapaz mais novo, mais tarde disse que se tivesse conseguido não teria sido preso ou punido por isso.
Depois tentou colocar fogo em uma igreja católica. Por causa de tantos incidentes ele passou a adolescência entrando e saindo de instituições para pessoas com problemas mentais.


Aos 15 anos foi diagnosticado como sendo um Psicopata pelo Dr. Leonard Carr.
Carr previu que ele seria um assassino psicopata frio no futuro.


Maioridade:


Assim que atingiu a fase adulta, Mackay desenvolveu um fascínio pelo Nazismo.
Se auto-nomeou "Franklin Bollvolt O Primeiro" e encheu seu apartamento de memorandos Nazistas.
Vivia em Londres e estava frequentemente bêbado e ou drogado.
Em 1973, perto da casa da mãe dele em Kent, ele conheceu e ficou amigo de um Padre chamado Anthony Crean, Mackey invadiu a casa do Padre e roubou um cheque de £30.
Preso e acusado pela policia, ele foi condenado a pagar o valor que roubou mas nunca o fez.
O incidente é claro, causou uma briga entre os dois e Mackay voltou para Londres.
Foi nessa época que ele disse ter afogado um "vagabundo" no Rio Thames.


Em 21 de Março de 1975, na época com 22, Mackay usou um machado para matar o Padre Crean,
Acertou o crânio do Padre e ficou ali assistindo ele sangrar até a morte.
Ele foi preso rapidamente, e logo foi considerado suspeito por uma dúzia de assassinatos, a maioria das vítimas sendo senhoras idosas mortas com facadas ou estranguladas durante assaltos.
Mackay se gabou confessando ter matado 11 pessoas.
Foi acusado de 5 assassinatos, mas 2 foram retirados por falta de provas.
Em Novembro de 1975 foi condenado e sentenciado a prisão perpétua.

8 comentários:

Anónimo disse...

esse cara era demoniaco.esse tipo de gente tem que ser banida da sociedade.é revoltante saber que existem pessoas tão cruéis nesse mundo que cometem essas barbaridades.

Anne disse...

Olá pessoa anônima que se revoltou rs.
Sim a maioria dos casos são revoltantes, mas acho que precisamos pensar no que os transformou em tais seres abomináveis. Em quase todos os casos existe uma raíz. "Quando criança Mackay foi vítima frequente de abusos físicos nas mãos do pai Harold alcoólatra." Acho que já explica onde tudo começou.

Precisam sim ser banidos da sociedade para não darem continuidade nos traumas dos quais eles não só causaram mas foram também vítimas.

Anne.

Anónimo disse...

Concordo que deveria ser preso, mas tinha sérios problemas mentais. Por favor, não olhemos só as vítimas, mas o lado dos agressores tambem. Pensem, pode ser um pai, mãe e amigo de vocês.

Anónimo disse...

Cadeira elétrica seria o melhor caminho. Nao dar gasto público com criaturas selvagens e demoníacas.

Anónimo disse...

Cara tipo assim,ele era perfeito,lindo deveria ser muito educado,e ainda por cima era psicopata,a pessoa ideal para mim,pena que eu nao era da epoca,

sidi disse...

Ahhhhh

Yeniffer disse...

completamente de acuerdo con anne, él no nació malo, fueron las circunstancias en las que creió, lo que lo llevaron a ser la persona que fue.

Tula Baroni disse...

IGNORANCIA ELR SOFREU ABUDOD FO PAI INFANCIA TERRIVEL ELR.PREVISAVA DE TRATAMENTO E NAO DE MALTRATOS SER MALTRATADO GERA VIOLENCIA LAMWNTAVRM ERA UM RAPAZ BONITO A FAMILIA NAO O AJUDOU